Logo PECE. Pular para página inicial
 

Ementa da Disciplina

CódigoGRS-021
DisciplinaLogística Reversa
Objetivo Compreender os desafios e as oportunidades da gestão logística do reaproveitamento de produtos e materiais após seu uso, descarte e reinserção em complexos produtivos.
Público_AlvoGestores de empresas dos setores privado e público, que são responsáveis pela gestão da sustentabilidade e, mais especificamente, pela gestão de resíduos de sua empresa dentro do contexto da Politica Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS).
Ementa1. Logística Reversa e Fluxos Reversos  Visão Geral da Logística Reversa e dos Canais de Distribuição (Tradicionais e Reversos):- Conceitos de Logística reversa: por que voltam os produtos? Quanto volta de produtos? Quais as razões de retorno? Setores com maior e menor retorno?  Canais de Distribuição Reversos  Logística Reversa de Pós-Venda e de Pós-Consumo  Logística Reversa e Responsabilidade Empresarial  Inibidores das Cadeias Reversas  Barreiras e Oportunidades à Logística Rever 2. Os Objetivos Estratégicos da Logística Reversa (Econômicos, Ecológicos, Legal e Tecnológico)  Os diferentes objetivos estratégicos de implantação da Logística Reversa  A complexidade do retorno dos produtos  Exame de segmentos de mercado da Logística Reversa no Brasil  Cenário atual da Logística Reversa no mundo Legislações envolvendo a Logística Reversa - O cenário econômico brasileiro e a Logística Reversa Áreas de atuação da Logística Reversa  O crescente interesse pelos negócios na Logística Reversa- A importância econômica atual da Logística Reversa  A importância de recuperação de falhas através da Logística Reversa  O mercado competitivo atual e a Logística Reversa  Negócios em Logística Reversa 3. Logística Reversa de Pós-Consumo  Definindo logística reversa de pós-consumo e pós venda  Natureza e classificação dos bens pós-consumo  Tipologia dos canais reversos de pós-consumo  Canais de distribuição  Fatores de influência na implementação da logística reversa de pós-consumo 4. Gerenciamento de Fluxos Reversos  Armazenagem em Logística  Metodologia de Utilização do WMS Tradicional no Gerenciamento da Logística Reversa  Aspectos Estratégicos na Rede de Distribuição Reversa  Aspectos Logísticos na Rede de Distribuição Reversa Estudos de Casos em Logística Reversa
BibliografiaBRASIL. Política Nacional de Resíduos Sólidos. Relatório Preliminar: minuta final. Ministério do Meio Ambiente: Brasília, 2010. Disponível www.mma.gov.br . Acesso em 05.04.2011. DAUGHERTY, P. J.; AUTRY, C.W.; ELLINGER A. E. Reverse logistics: the relationship between resource commitment and program performance. Journal of Business Logistics, v. 22, n. 1, p. 107-123, 2001. DE BRITO, M. P.; DEKKER, R. Reverse logistics: a framework. Econometric Institute. Report EI 2002-38, Erasmus University Rotterdam, The Netherlands, 2002. __________. Managing reverse logistics or reversing logistcs management? Econometric Institute. Rotterdam, Erasmus Univesity Rotterdam, 2004. Gonçalves-Dias, S.L.F.; Teodósio, A. S. S.. Estrutura da cadeia reversa: "caminhos" e "descaminhos" da embalagem PET. Produção, v. 16, n. 3, p. 429-441, Set./Dez. 2006 Leite, P. R. Logistica Reversa. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2009. Pochampally, K.K., Nukala, S., Gupta, S. Strategic Planning Models For Reverse And Closed-Loop Supply Chains. Ed. Crc Press. Pp 285, 2008. Razzolini Filho, E.;Berté, R. O reverso da logística e as questões ambientais no Brasil. Curitiba: IBEPEX, 2009. ROGERS, Dale. TIBBEN-LEMBKE, Ronald. Going Backwards: Reverse Logistics Trends and Practices University of Nevada:Reno Center for Logistics Management, 1998
Duração (h)18
Título Escolha
Imagem do selo de Garantia de Qualidade POLI
Centro de Apoio ao Aluno: atendimento@pecepoli.com.br
Telefone: (11) 2998-0000 Fax: (11)2998-0054
Segunda a sexta-feira das 9h00 às 21h00.
Logo da USP - link externo ©Copyright 2010 PECE - Todos direitos reservados. Logo da Escola Politécnica - link externo