Logo PECE. Pular para página inicial
 

Ementa da Disciplina

CódigoGAN-009
DisciplinaEconomia ambiental, gestão de custos e investimentos
ObjetivoAnalisar a questão ambiental em seus aspectos econômico-financeiros, com as respectivas implicações para a competitividade e sobrevivência das empresas. Fornecer metodologias para a análise e apropriação de custos ambientais, orçamentação e controle, bem como técnicas para a tomada de decisões gerenciais e análise de investimentos.
Público_AlvoEngenheiros e outros profissionais de nível superior.
Ementa1. Relacionamentos da economia com meio ambeinte 1.1 Valor dos bens ambientais 1.2 Desenvolvimento sustentável 1.3 Agentes da obtenção da qualidade ambiental 1.4 Externalidades. Interiorização dos custos ambientais 1.5 Políticas ambientais 1.6 Análise de custo-benefício 1.7 Conceitos de economia aplicado à ecologia 1.7.1 Curvas da indiferença 1.7.2 Curvas de demanda e oferta 1.7.3 Exemplo de aplicação em problema sobre comércio internacional 1.8 Análises de custo-benefício 1.8.1 Custos e benefício marginais Exemplo com problema sobre o livre acesso aos bens ambientais 1.8.2 Exemplo de ajustagem da produção ao se internalizar externalidades 1.8.3 Exemplo da utilização do conceito de "Custos Marginais" para a definição de um instrumento econômico do tipo "fixação de cotas de emissão" 1.9 Instrumentos econômicos 1.10 O meio ambiente como oportunidade de negócios 1.11 Os principais problemas ambientais brasileiros 2 Importância da gestão de custos ambientais 2.1 O controle de custos 2.2 Benefícios resultantes da gestão de custos ambientais 3 Estabelecimento dos custos da qualidade ambiental 3.1 Alguns conceitos de contabilidade de custos 3.2 Classificação dos custos ambientais 3.3 Custos da qualidade - a procura do mínimo custo total 3.4 Procedimentos empresariais para obtenção e classificação dos custos ambientais 4 Controle de investimentos 4.1 Centros de responsabilidade 4.2 Retorno dos investimentos 4.3 O entendimento entre os setores 4.4 Empreendimentos e projetos 4.5 A espiral de projeto 4.6 Orçamentos e sua preparação 4.7 Controle orçamentário e controle financeiro 4.8 Os custos ambientais como ferramenta da orçamentação e controle 4.9 As curvas de comprometimento e dispêndio de recursos 4.10 A preparação de especificações técnicas com vistas à melhor escolha 5 Avaliação de investimentos 5.1 O valor do dinheiro no tempo 5.2 Medidas financeiras para julgamento de opções de melhoria ambiental 5.3 Taxa de desconto 5.4 Indice de custo / benefício 5.5 Rentabilidade simples e período de retorno do capital 5.6 Valor presente líquido e taxa interna de retorno 5.7 Taxa interna de retorno econômico 5.8 Exemplo numérico de avaliação de investimentos 6 A tomada de decisões 6.1 Identificação de alternativas 6.2 A escolha da melhor opção entre diversas alternativas 6.3 Análise de custo-fenefícios: análise das consequências financeiras das decisões operacionais 6.4 Avaliação de projetos de investimentos quando se consegue estimar probabilidades de eventos futuros (decisões em condições de risco; abordagem de equivalentes à certeza; conceitos de estatística; árvore de probabilidades ou árvore de decisões) 6.5 Critérios para avaliação de projetos de investimentos com decisões em condições de incerteza (quando não se consegue avaliar a probabilidade de eventos futuros)
Bibliografia1. BLANCHARD, Benjamin; FABRYCKY, Walter. Systems Engineering and Analysis. 2. Second Edition. Prentice hall, New Jersey, USA, 1990 3. BUARQUE, Cristovam. Avaliação Econômica de Projetos. 7a Edição. Editora Campus, Rio de Janeiro, 1984 4. FEIGENBAUM, Armand V. Quality Control. Mc Graw-Hill Book Co., Singapura, Third Edition, 1988. 5. GEMI. Finding Cost-Effective Pollution Prevention Initiatives: Incorporating Environmental Costs Into Business Decision Making. Global Environmental Management Iniciative (GEMI). Washington, 1994 6. JURAN, Joseph; GRYNA, Frank. Juran's Quality Control Handbook. Fourth Edition. 7. McGraw-Hill Book Company, New York, 1998. 8. Normas Técnicas: 9. NBR ISO 14001, Sistemas de Gestão Ambiental - Especificação e diretrizes para uso. ABNT, out 1996. 10. NBR ISO 14004, Sistemas de Gestão Ambiental - Diretrizes Gerais Sobre princípios, sistemas e técnicas de apoio. ABNT, out 1996. 11. MATINS, Eliseu. Contabilidade de Custos. 2a Edição. Editora Atlas, São Paulo, 1995. 12. MOURA, Luiz A. A. Qualidade e Gestão Ambiental. Editora Juarez de Oliveira, São Paulo, 1998 13. ROMEIRO, A R.; REYDON, B. P.; LEONARDI, M. L. A. A. A; Economia do Meio Ambiente: teoria, políticas e a gestão dos espaços regionais. UNICAMP, Instituto de Economia. Campinas, SP, 1996. 14. ROMM, Joseph J. Um Passo Além da Qualidade. Ed. Futura, São Paulo, 1996. 15. VALLE, Cyro E. Qualidade Ambiental. Ed. Pioneira, São Paulo, 1995.
Duração (h)30
Título Escolha
Imagem do selo de Garantia de Qualidade POLI
Centro de Apoio ao Aluno: atendimento@pecepoli.com.br
Telefone: (11) 2998-0000 Fax: (11)2998-0054
Segunda a sexta-feira das 9h00 às 21h00.
Logo da USP - link externo ©Copyright 2010 PECE - Todos direitos reservados. Logo da Escola Politécnica - link externo